fbpx

Mudança de Planos

nutricionista Rafael Frata
Nutricionista Rafael Frata – Foto Rafael Cautella

O coach nutricional Rafael Frata tinha um sonho, mas a vida
lhe apresentou um novo rumo para sua carreira.

Nascido e criado em São Joaquim da Barra (SP), antes mesmo de prestar o vestibular, Rafael Frata tinha um objetivo ao se formar; Trabalhar com esporte, especificamente com um time de futebol: O Palmeiras. Seguindo a meta de integrar a equipe de apoio do time, Rafael iniciou seus estudos no curso de Nutrição em Uberaba (MG), na Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM), onde seu foco ainda se mantinha no seu sonho. “Fiz todo o meu curso focado no meu objetivo, coincidiu de conseguir um orientador da área esportiva e assim segui a minha meta.”.

Após a faculdade, Rafael emendou uma especialização esportiva no Rio de Janeiro (RJ) e logo em seguida seu mestrado em educação física. “Durante o mestrado eu descobri uma grande paixão, que era a de aprender para ensinar, eu acreditava que desta forma estaria ajudando outras pessoas e acabei mudando um pouco meu foco,” completa.

Foi no final do mestrado que Rafael descobriu a possibilidade de se inscrever para o programa “Sem fronteiras”, a fim de melhorar o currículo Lattes e seguir com a nova meta de entrar para a vida acadêmica. “Eu me lembro que um amigo me falou das inscrições em uma sexta-feira e as mesmas acabavam na segunda, passei o final de semana correndo atrás de tudo, até que fui aprovado.” Rafael conta ainda, que este episódio o marcou, pois, mesmo com tudo pronto, ele acabou perdendo a oportunidade. “Eu precisava de 88 pontos de proficiência no inglês e cheguei a atingir 86, isso foi um baque, me fez refletir e me questionar, foi essencial para eu desacelerar e entender qual era o meu propósito. Foi neste momento que eu decidi terminar o mestrado e tirar um tempo para pensar melhor sobre meus objetivos.”

Com o mestrado concluído, Rafael voltou a São Joaquim da Barra (SP), onde decidiu pelo tão desejado “ano sabático”. Após 7 meses de imersão em si mesmo, o nutricionista decidiu ressignificar sua vida pessoal e profissional. De volta à ativa, Rafael decidiu por um doutorado na Universidade de São Paulo (USP) em Ribeirão Preto (SP), conseguiu uma bolsa e arriscou a mudança.

Dividindo o tempo com o doutorado, Rafael começou a atender em uma clínica através de um convênio. “A remuneração não é alta, mas o fluxo é intenso e é a oportunidade de fazer seu nome, ser conhecido e reconhecido, para que, em seguida, possa começar a atender de forma mais exclusiva e aprofundada pacientes particulares.

Nos atendimentos nutricionais convencionais trabalha-se a dieta, eu comecei a trabalhar a pessoa, dar poder ao paciente e a partir desta mudança eu comecei a ver melhores resultado e pacientes satisfeitos com suas próprias conquistas”


Rafael Frata – Foto Rafael Cautella

Mesmo longe do seu sonho de infância de integrar o time do Palmeiras, Rafael estudou e atendeu, em boa parte da sua carreira, atletas e bodybuilders, mas os rumos da sua carreira começaram a mudar a partir do momento que ele conheceu a coach Isis Moreira. “Eu nunca gostei da palavra “dieta”, e no meu consultório eu recebia muitas pessoas acima do peso e queria encontrar uma maneira de ajudá-las, foi então que, através das aulas de coaching nutricional da Isis, eu encontrei uma maneira de transformar essa situação. Nos atendimentos nutricionais convencionais trabalha-se a dieta, eu comecei a trabalhar a pessoa, dar poder ao paciente e a partir desta mudança eu comecei a ver melhores resultado e pacientes satisfeitos com suas próprias conquistas.”

Rafael costuma falar que os desafios em sua carreira não param de surgir, foi quando, em agosto de 2018, ele foi chamado para um concurso que prestou em 2015, assim que chegou a Ribeirão Preto. A vaga era para atuar como nutricionista no Hospital das Clínicas de Ribeirão Preto (HC). “Eu estava indo bem nos atendimentos, mas a estabilidade pesou na decisão e aceitei o desafio de conciliar estudo, consultório e hospital.”

“Quem se interessa por empreendedorismo precisa estar sempre se questionando, a vida faz a gente pensar que é só o que nos é mostrado, mas precisamos ir sempre além. Eu defendo que precisamos descobrir nosso propósito, ter foco e acreditar em nós mesmos”

Foram meses intensos, onde Rafael voltou a se questionar sobre estar no caminho certo. “Começou a virar um trabalho mecânico e eu não conseguia me dedicar como gostaria, foi quando coloquei na balança, a única coisa que me segurava no hospital era estabilidade e o ego, é claro que também pensei na minha família e nas contas mensais, mas eu sempre acreditei nos meus objetivos, por isso, no final do ano passado eu escolhi a minha clínica e me dedicar totalmente aos meus pacientes e estou muito feliz com a decisão, ” completa

É tudo sobre a Experiência do Cliente

A concorrência em todas as áreas está alta, e como diferencial, Rafael tem apostado na experiência. “Em um mundo saturado de profissionais nas diversas áreas, você precisa procurar o diferencial e oferecer o melhor atendimento que você puder. Para mim, não existe receita, existe compreender os empecilhos de cada um e trabalhar neles como parte de um todo, sem esquecer que o foco é na pessoa que te procurou,” ressalta.

Para 2019, os planos são desacelerar e apostar na qualidade dos atendimentos. “Quem me procura conhece o meu trabalho, muitos vêm por indicação, e são pessoas que não decidem profissionais pelo valor que cobram, mas por todo o trabalho que oferecem. Quem me procura confia no meu método de trabalhar.

Longe do consultório, Rafael mantém uma rotina saudável, divide o tempo entre malhar, praticar yoga, meditação, passear com o cachorro e ler. “Quem se interessa por empreendedorismo precisa estar sempre se questionando, a vida faz a gente pensar que é só o que nos é mostrado, mas precisamos ir sempre além. Eu defendo que precisamos descobrir nosso propósito, ter foco e acreditar em nós mesmos. Eu gosto muito de uma frase que diz: O principal é deixar o principal como principal, parece meio sem sentido no primeiro momento, mas se você pensar o que ela representa é resumidamente ter foco e acreditar nisso.

Por Carol Aguiar