Startup HandOver é selecionada para o Programa Factory da Hards, a 1ª Aceleradora de software+hardware do Brasil

Arquivo Pexels

A startup HandOver, empresa que oferece um ecossistema de guarda-volumes inteligentes para logística e demais setores do mercado, foi selecionada dentre as muitas Statups brasileiras e convidada para o programa Factory da Hards, a 1º aceleradora de Software+Hardware do Brasil.

O empreendedorismo alinhado à inovação e tecnologia está ganhando cada vez mais espaço no Brasil, e isso vem atraindo os olhares de grandes aceleradoras, como a HARDS, a primeira aceleradora focada em startups com soluções de Software+Hardware do Brasil, que surgiu do spin-off da aceleradora Darwin Startups, eleita como melhor aceleradora do país em 2018 e tem parceiros corporativos como B3, Neoway, RTM, Transunion e Banco Safra.

A HARDS oferece acesso à tecnologia e ao mercado, infraestrutura e oportunidades de investimento, além de atuar como um elemento para a evolução das startups no segmento da Indústria 4.0.

De acordo com Marcos Buson, CEO da HARDS:

“Oportunidades no segmento de logística é um dos principais focos da HARDS, principalmente na vertical last mile. Nesse contexto, a HandOver foi uma das startups que nos chamou atenção para nossa fase de pré-aceleração pela aderência a essa tese e também da capacidade do ecossistema de Florianópolis de gerar novos negócios para eles, com nossos parceiros a rede da FIESC e suporte na área tecnológica da PRODUZA, Fundação CERTI e SENAI”.

HandOver impressiona Hards e passa a fazer parte de seu time de pré-aceleração

Na fase de pré-aceleração, chamada de HARDS Factory, durante um mês as startups selecionadas permanecem no espaço da aceleradora no Instituto da Indústria, situado no Sapiens Parque norte da Ilha de Florianópolis, para que possam usufruir de alguns benefícios da infraestrutura da HARDS. Nesta fase, o programa é equity-free, não tem comprometimento de participação da HARDS na startup, e também é a última etapa do processo de seleção para investimento e aceleração.

Ao entrar no time de startups pré-aceleradas pela HARDS, a HandOver agrega ainda mais competência à sua missão que é ser muito mais do que uma empresa de aluguel de guarda-volumes, se consolidando como organização que busca constantemente promover a melhor experiência de consumo através da implementação de novas tecnologias.

A startup afirma que surgiu para “resolver um problema simples de mobilidade e logística urbana com uma ideia mais do que inovadora e exclusiva que propõe utilizar lockers inteligentes. Os lockers HandOver também possuem mecanismos de segurança, cameras de vigilancia e são destravados via aplicativo, tela de atendimento, e por integrações em aplicativos e plataformas dos clientes, nossa solução é 100% conectada a uma plataforma digital.”

De acordo com Sauer, CEO da HandOver: “A HandOver ingressa no programa de pré-aceleração da HARDS com dois principais objetivos, evoluir a tecnologia aplicada em seus lockers inteligentes ao mesmo tempo que busca expandir suas operações para Florianópolis.”

Após entrar para o time de parceiros da Hards, a HandOver vem aperfeiçoando suas soluções de armários inteligentes para cross docking, last mile, clique retire e guarda-volumes, em que os clientes podem operar os armários de forma intuitiva através do aplicativo HandOver, tela de atendimento, e por integrações em aplicativos e plataformas dos clientes.

Navegue pelo site para saber mais sobre a startup HandOver e as soluções que ela oferece.

Este conteúdo de divulgação comercial é fornecido
Por Vitor Roscani | Consultoria Digital
e não é de responsabilidade de revistaempreende.com.br