Baiana ganha até R$ 5 mil hospedando Cães em casa no Final de Ano

Arquivo Pexels

Anfitriã da DogHero afirma que a hospedagem domiciliar de cachorros é a sua principal fonte de renda e que costuma faturar R$ 2 mil por mês

A trajetória profissional da baiana Graziela de Alcântara, 37 anos, foi desenvolvida em consultorias, indústria e empresa de prestação de serviços industriais nas quais atuava como analista de recursos humanos. Após dez anos na área, a psicóloga decidiu diminuir o ritmo para ter mais qualidade de vida. “Eu saía às 5h e voltava às 20h. Não tinha vida pessoal, nem social. Queria ter tempo para minha família e amigos”, comenta.

Foi nesse período de mudança que ela conheceu a DogHero, maior empresa de serviços para cães da América Latina que, através do site e app, conecta quem tem cachorro a uma comunidade de passeadores e anfitriões escolhida a dedo. Há cerca de quatro anos cadastrada como anfitriã da plataforma, a baiana consegue ganhar cerca de R$ 2 mil reais mensalmente. Em períodos de alta temporada (de novembro a fevereiro), no entanto, ela mais que dobra o faturamento e consegue ganhar até R$ 5 mil.

Com a aproximação do final do ano, ela já está organizando a sua agenda para atender os cães da melhor maneira possível. “Como também sou mãe de cachorro, eu sempre me coloco no lugar dos tutores: o que ia querer para minha cachorrinha? Cuido dos meus hóspedes do mesmo jeito que eu gostaria que cuidassem da minha Nina”, diz Graziela, em referência à sua animada westie terrier de 5 anos.

COMO SER UM ANFITRIÃO DOGHERO?

Qualquer pessoa que ame cachorros e que tenha mais de 18 anos pode se candidatar a anfitrião da DogHero. No entanto, é necessário cumprir requisitos de segurança da residência e realizar testes de conhecimento sobre cães. Durante o processo, apenas 20% dos candidatos são aprovados. Após o ingresso na plataforma, o anfitrião ainda pode aprimorar seus conhecimentos sobre cães com cursos disponibilizados pelo próprio app (Escola de Heróis). A cada módulo completo, o anfitrião conquista medalhas que ficam disponibilizadas em seu perfil, ajudando clientes a identificarem anfitriões que fizeram o curso. Além disso, as avaliações dos clientes são monitoradas, garantindo anfitriões que ofereçam uma experiência excelente. Isso mitiga riscos e viabiliza com que, hoje, 98% dos clientes recomendem a DogHero para um amigo ou familiar.

Os interessados em se tornar anfitriões DogHero podem se inscrever diretamente pelo site da Plataforma. Atualmente, mais de 630 pessoas na Bahia ganham dinheiro hospedando cachorros em casa como anfitriões da DogHero. Ao todo, são mais de 30 mil cães cadastrados no app no estado.

Sobre a DogHero

A DogHero é a maior empresa de serviços para cães da América Latina. Pelo seu app e site, conecta pais de cachorro a passeadores e anfitriões que hospedam cães em casa. Atualmente, a comunidade de cuidadores conta com mais de 20 mil anfitriões em 750 cidades no Brasil, Argentina e México que passam por um extenso e rigoroso cadastro e recebem orientação adequada. A DogHero foi fundada em 2014 por Eduardo Baer e por Fernando Gadotti.

Este conteúdo de divulgação comercial é fornecido
Por Maria Clara Beltrame | Fala Criativa Comunicação
e não é de responsabilidade de revistaempreende.com.br