fbpx

Como melhorar a Relação com o Trabalho?


Para Erika Linhares, palestrante, pedagoga e executiva especializada em comportamento em organizações, é preciso transformar o relacionamento com o que se faz para ser mais feliz trabalhando

Erika Linhares – divulgação

Qual a sua relação com o trabalho? Você gosta do que faz? Já aprendeu a gostar do emprego que tem hoje? Você entende que passa grande parte da sua vida trabalhando e que dá para ser feliz? Erika Linhares, palestrante, pedagoga e executiva especializada em comportamento dentro de empresas, dá 5 dicas fundamentais para mudar a rotina e ser mais feliz no trabalho.

1. Aprenda a ser grato e gostar do trabalho que tem hoje. Valorize o trabalho que você conquistou e o faça bem feito. Caso queira conquistar um novo emprego em outra empresa ou ser promovido onde está, lute para isso, mas não deixe de fazer um bom trabalho agora. Seja grato com o lugar que ocupa hoje e dê um passo de cada vez.

2. Cuide do seu ambiente de trabalho. Uma das coisas que fazem as pessoas ficarem insatisfeitas com o trabalho é o local em que trabalham. Mas fique atento. Quem cria o ambiente é você. As pessoas são movidas pelas relações que elas criam. O ambiente pode ser péssimo, mas se você constrói um bom relacionamento com as pessoas, vai ser bem tratado. Seja leal ao seu líder e ajude seus colegas quando eles precisarem. Assim, você receberá tanto a lealdade do chefe de volta como o auxílio em suas tarefas quando for necessário. Se o ambiente está pesado pela vaidade ou vitimismo de alguns, tente fazer a sua parte e transformar o seu redor tendo um bom relacionamento e respeitando as pessoas.

3. Mude o seu conceito sobre trabalho. Nós somos criados para não gostar de trabalho. Desde crianças, as pessoas falam que precisam trabalhar para pagar as contas por necessidade. Dificilmente alguém diz que trabalha por achar digno ou porque vão aprender algo e se sentir útil e feliz. Mude seus conceitos e transforme a forma como sempre olhou para esse assunto.

4. Problemas existem não só no escritório. Uma das questões que mais fazem as pessoas se frustrarem é não saber lidar com os problemas do trabalho no dia a dia. É fato que problemas existem e sempre vão existir. A diferença está na forma de como lidamos com eles. Se souber enfrentá-los, não procrastinar e não fingir que eles não existem, poderá mudar completamente a relação com o trabalho. Os problemas são inerentes na vida. Não é só no trabalho que temos que resolvê-los.

5. Dê valor ao dinheiro. É comum escutar pessoas reclamando da falta de dinheiro, de dívidas ou problema para pagar contas, mas dificilmente elas saem falando sobre o quanto estão ganhando e adquirindo coisas. Parece que ganhar dinheiro é um problema, é feio. Mas a verdade é que não há nada de errado com isso. Ter ambição de realizar desejos é ótimo, afinal você trabalha e merece realizar sonhos. Mas valorize o que ganha e poupe. Gaste com o que é necessário, útil e vai fazê-lo feliz. O dinheiro é a recompensa pelo seu trabalho e deve ser valorizado.

Sobre Erika Linhares

Executiva especializada em comportamento e cultura dentro de organizações, chegou a ser sacoleira aos 15 anos quando o pai, dono de uma imobiliária, perdeu tudo na década de 90. Trabalhou ainda na área pública na Prefeitura de Sete Lagoas, em Minas Gerais. Depois de entrar na faculdade de pedagogia, começou a carreira no sistema privado aos 19 anos, ganhando R$ 350 reais como atendente de loja. Vinte anos depois, deixou o mercado corporativo como diretora nacional de uma das maiores empresas do Brasil para atuar como gestora de carreiras em sua empresa, a B-Have. Mais de 15 mil pessoas e 600 parceiros comerciais passaram pela gestão da executiva.

Este conteúdo de divulgação comercial é fornecido
Por Adriane Galdino | Hoch Muller Multimidia
e não é de responsabilidade de revistaempreende.com.br