fbpx

Stone oferecerá PIX nas maquininhas de cartão

Além do acesso ao sistema de pagamento instantâneo pela Conta Stone, os lojistas também poderão utilizar o recurso pelo POS

A Stone, empresa de tecnologia de pagamentos financeiros e de soluções para PMEs, ofertará o PIX, sistema de pagamento instantâneo, pela maquininha de cartão (POS). Assim, além de ter acesso ao PIX pelo app da Conta Stone, primeira conta digital feita especialmente para os donos de negócios do país, os lojistas poderão aceitar PIX como forma de pagamentos por meio das maquininhas. Ao oferecer o benefício por esse meio de pagamento, a empresa atenderá um mercado do qual já detém mais de 500 mil clientes de diferentes ramos.

Para habilitar o serviço, basta ter uma Conta Stone integrada e habilitá-la a ter a opção de receber e pagar por PIX no início de outubro, como estabelecido pelo Banco Central.

Na prática, os clientes pessoa física ou jurídica poderão gerar QR Codes estáticos e dinâmicos tanto pelo aplicativo da Conta, como pela maquininha por onde transacionam hoje as vendas. Os valores recebidos cairão, como já acontece hoje, na Conta Stone vinculada ao empreendedor.

Essa é uma forma de agilizar, por exemplo, o atendimento em restaurantes por quilo, em que vários clientes precisam ser atendidos ao mesmo tempo e com rapidez. A cobrança nesses estabelecimentos seguiria sendo feita através das maquininhas, que geraria um QR Code com um valor específico para cada cliente que pesar seu prato na balança.

Os POS (Point of Sale ou POnto de Venda) têm a vantagem de já serem manuseados com facilidade pelos funcionários dos lugares e de poderem ser usados não só pelos donos da Conta Stone. “Quer dizer que várias pessoas autorizadas poderiam fazer a cobrança e evitar filas nos estabelecimentos, uma vantagem a mais pro empreendedor”, afirma Breno Maximiano, diretor da Unidade de Banking da Stone e sócio da empresa.

Nas maquininhas, o QR Code já estava implementado desde junho para recebimento de pagamentos de compras pagos com o auxílio emergencial do governo em meio a pandemia do Coronavírus. Com o Pix, a ideia é alavancar ainda mais o uso dos códigos nos POS.

Empresas maiores, como fintechs ou companhias de gestão financeira, também poderão usar a infraestrutura da Stone para ofertar pix em suas plataformas. Isso se dará dentro da área de parcerias da empresa, que contempla o Open Banking e o serviço de Conta de Liquidação para parceiros e que já opera desde maio.

Acompanhe aqui mais notícias sobre negócios.

Este conteúdo de divulgação comercial foi fornecido
Por Ideal H+K Strategies
e não é de responsabilidade de revistaempreende.com.br