fbpx

A maioria dos brasileiros desconhecem proposta de novo imposto sobre transações digitais

A maioria dos brasileiros nunca ouviu falar sobre o novo imposto sobre transações digitais para os serviços dos aplicativos, além de pagamentos via Internet de produtos e serviços. É o que revela uma pesquisa inédita realizada pela casa de análise de investimentos Exame Research em parceria com o Instituto Ideia divulgada nesta terça-feira (13/10).

De acordo com o levantamento, 69% nunca ouviram falar do assunto, 30% já e 1% não lembra.

Pesquisa EXAME/IDEIA

A pesquisa foi realizada entre os dias 5 e 8 de outubro, com 1.200 homens e mulheres residentes no Brasil, com idade superior a 16 anos. A margem de erro é de três pontos percentuais, para mais ou para menos.

No levantamento foi ainda perguntado se caso os recursos arrecadados com o novo imposto fossem usados para reduzir os custos das empresas na contratação de novos trabalhadores, qual seria o posicionamento dos entrevistados. 49% respodenram que seriam contra, 41% a favor da redução dos custos das empresas e 10% não souberam opinar.

Pesquisa EXAME/IDEIA

A pesquisa perguntou também se os recursos arrecadados com o novo imposto fossem usados para financiar programas sociais, como o Bolsa Família e o Renda Cidadã, qual seria o posicionamento dos entrevistados. 53% responderam que seriam contra, 38% a favor e 10% não souberam opinar.

Pesquisa EXAME/IDEIA

Indagou-se também qual o destino do novo imposto: se os recursos arrecadados fossem utilizados para investimento em Saúde, Educação e Segurança, o entrevistado seria a favor ou contra sua criação. 62% disseram que seriam favoráveis à criação do novo imposto, 33% contra e 5% não opinaram.

Perguntados se o dinheiro arrecado pelo novo imposto fosse destinado somente a uma área, o resultado foi o seguinte:

• Saúde: 44%

• Educação: 24%

• Reduzir custos de contratação e geração de empregos: 10%

• Bolsa Família e Renda Cidadã: 7%

• Segurança: 5%

• Todas/ um pouco para cada: 2%

• Não acredita que algum imposto possa favorecer a população: 1%

• Nenhuma/ é contra qualquer outro tipo de imposto: 6%

• Não sabe: 1%

Leia a pesquisa na íntegra pelo link

Você também vai gostar de ler: Relatório revela que 74% das empresas planejam investir em impressão 3D em 2021

Este conteúdo de divulgação foi fornecido
Por FSB Comunicação
e não é de responsabilidade de revistaempreende.com.br