Amazon anuncia as skills vencedoras do Prêmio Alexa de Acessibilidade

A Amazon doará R﹩100 mil para instituições escolhidas pelos vencedores; desenvolvedores receberão prêmios em dinheiro e dispositivos Echo

SÃO PAULO- 4 de fevereiro de 2021 – AAmazon, AACD (Associação de Apoio à Criança com Deficiência), Fundação Dorina Nowill para Cegos e Instituto Jô Clemente anunciaram hoje as skills vencedoras do Prêmio Alexa de Acessibilidade. Eles foram selecionados em uma sessão em que os 10 finalistas anunciados no início do mês apresentaram propostas sobre cada skill a jurados do prêmio.

As três skills vencedoras do Prêmio Alexa de Acessibilidade são:

Primeira colocada: “Memória Sonora” por Splora

A skill é um treinamento focado em reabilitação cognitiva. Tem como objetivo ajudar pessoas com diferentes tipos de desordem das funções cognitivas como demência, doenças degenerativas e deficiências intelectuais. Também pode ser usada por pessoas cegas ou com baixa visão. “Memória Sonora” é um clássico jogo da memória, que usa sons no lugar de cartas.

• Adriana Rita, desenvolvedora dessa skill, receberá R﹩10 mil em dinheiro e um Echo Studio. Já a ONG que será escolhida por ela receberá doação de R﹩50 mil.

Segunda colocada: “Onde guardo isso?” por marcosamm

A skill visa a auxiliar pessoas com deficiência intelectual, sugerindo locais onde os objetos podem ser guardados e lembrá-lo onde eles estão.

• O Marcos Medeiros, desenvolvedor dessa skill, receberá R﹩5 mil em dinheiro e um Echo Show 8. A ONG que será selecionada pelo desenvolvedor receberá doação de R﹩35 mil.

Terceira colocada: “Localizador de ônibus São Paulo acessível” por Felipe Borges

A skill tem como objetivo ajudar pessoas cegas ou com baixa visão a ter informações a respeito da previsão da chegada dos ônibus, a localização e o endereço do ponto, se o ônibus que está chegando é acessível, se o ônibus esperado passa no ponto onde o usuário se encontra e o destino final de cada ônibus.

• Felipe Borges, desenvolvedor dessa skill, receberá um Echo Show 8, um Echo e um kit smart home da Positivo. A ONG que será escolhida pelo desenvolvedor receberá doação de R﹩15 mil.

Aproximadamente 100 skills no total foram inscritas na Amazon para o Prêmio Alexa de Acessibilidade por desenvolvedores brasileiros entre agosto e dezembro de 2020. O objetivo era promover assistência a pessoas com deficiência por meio do uso da tecnologia da Alexa. As skills foram avaliadas sob diversos critérios, incluindo usabilidade, desenvolvimento, design, experiência do usuário, e impacto na vida de pessoas com deficiência.

“Estamos honrados e felizes com a dedicação dos desenvolvedores por terem criado tantas skills incríveis para beneficiar pessoas com deficiência. Estamos extremamente orgulhosos de ver uma tecnologia, como a Alexa, ajudar tanta gente, e parabenizamos não só os vencedores de hoje, mas todos que inscreveram suas skills. Esperamos que o legado do Prêmio Alexa de Acessibilidade continue, com novas skills e dispositivos sendo inventados para tornar a vida de pessoas com deficiência mais fácil”, diz Thais Cunha, gerente de marketing da Amazon Alexa no Brasil. “Gostaria de agradecer imensamente a AACD, a Fundação Dorina Nowill para Cegos, e o Instituto Jô Clemente, não só pelo trabalho que fazem pelas pessoas com deficiência no Brasil, mas por se juntarem a nós nessa jornada e compartilhar experiências”.

Leia também:

De uma hora para outra o Brasil parou e a Economia foi parar na UTI

Vamos Superar esse Momento, mas Não voltaremos ao estado de Antes

A Hora e a Vez das Startups. Você está Pronto para a Jornada?

Este conteúdo de divulgação foi fornecido
Por Fresh Pr Comunicação
e não é de responsabilidade de revistaempreende.com.br