Fórum AgriFutura debate como a sustentabilidade pode ser a força motriz da inovação no agronegócio

Conferência será realizada durante o AgriFutura, evento que apresentará soluções tecnológicas para o setor, nos dias 12 e 13 de março, na capital paulista

A sustentabilidade como um dos principais pilares para o avanço do agronegócio será tema central dos três debates do Fórum AgriFutura, a ser realizado no primeiro dia do evento, que leva o mesmo nome.

O festival de inovações, AgriFutura, será promovido nos dias 12 e 13 de março pela Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo e a Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (APTA), no Instituto Biológico (IB), na capital paulista, e será palco para a apresentação de soluções sustentáveis, trazendo para hoje o agronegócio do futuro.

“O evento pretende conectar várias ‘pontas’ da cadeia produtiva, como os setores de pesquisas, desenvolvedores (startups) e o próprio mercado na busca por tecnologias, de processos e de políticas públicas. Dali, surgirão novas empresas e negócios, com alto impacto para a sociedade como um todo”, afirma Sergio Tutui, coordenador da APTA.

As mudanças climáticas, que afetam profundamente a produção de alimentos no mundo e as alternativas tecnológicas e de proteção ao meio ambiente terão amplo espaço de debate durante o Fórum.  “O encontro discutirá as garantias para a segurança alimentar da população. Tais alternativas envolvem tanto a área produtiva em terra quanto na água, e a inovação e a tecnologia são o caminho para nos ajudar a produzir mais com menos”, aponta Ana Eugênia de Carvalho Campos, diretora do IB e gestora do Laboratório de Inovação no Agronegócio da APTA. 

O primeiro debate terá como tema central “Ecossistemas de Inovação no Agronegócio”, que pretende promover um espaço para a apresentação de possibilidades inovadoras que o Estado de São Paulo possui para as parcerias público-privadas, além de discutir a segurança jurídica e a agilidade que o sistema atual proporcionam, com destaque para a importância da integração entre os hubs de inovação do agronegócio.

Com foco na produção sustentável de alimentos frente às mudanças climáticas, o segundo debate pretende levantar insights e ideias para alavancar soluções de curto, médio e longo prazo para o setor produtivo, com a apresentação de alternativas tecnológicas e de proteção ao meio ambiente que ajudam a garantir a segurança alimentar da população.

Por fim, o terceiro debate do Fórum, que terá como tema a inovabilidade, pretende discutir como trazer novas ideias que sejam sustentáveis e como a sustentabilidade pode ser a força motriz da inovação.

“Nosso objetivo é abordar como as estratégias focadas na convergência entre inovação e sustentabilidade podem definir os novos modelos de negócios. Neste sentido, o AgriFutura traz em pauta um tema relevante que deve estar presente no dia a dia dos agronegócios”, afirma Tutui.

Dentre os nomes já confirmados estão o Diretor-Executivo da Fundação de Desenvolvimento da Pesquisa do Agronegócio (FUNDEPAG) Airton Vialta, a Líder de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação da Fundepag Cyntia Curcio, o Coordenador da Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios Sérgio Tutui, a Líder do Núcleo de Inovação Tecnológica da Fundepag Luciana Akissue Teixeira, o Diretor de Pesquisa de Novos Negócios do Grupo Jacto Tsen Chung Kang e a Diretora do Departamento de Gestão Estratégica da APTA Renata Branco.

Inscrições abertas

Além do Fórum, o AgriFutura ainda promove, em sua programação, uma competição com foco especial nas soluções desenvolvidas pelas startups, proporcionando um espaço para que as agtechs, foodtechs, biotechs e fintechs apresentem seus projetos, ideias e produtos, em formato de pitches, para uma banca julgadora, que contará com a participação de diferentes representantes do agro, além de um investidor. O festival conta também com ações direcionadas ao público, como atrações musicais e food trucks.

As inscrições já podem ser realizadas pelo site www.agrifuturaoficial.com.br.

Este conteúdo de divulgação comercial foi fornecido
Por Attuale Comunicação
 comunicação
e não é de responsabilidade de revistaempreende.com.br