Johnson & Johnson lança programa para desenvolver profissionais negros

Inicialmente, o SoulAfro Axé oferecerá capacitação e treinamento para cerca de 90 participantes, entre estudantes de ensino médio, universitários e colaboradores da companhia

Até o dia 24 de abril estão abertas as inscrições para o programa SoulAfro Axé, iniciativa promovida pela Johnson & Johnson que tem como objetivo contribuir com o desenvolvimento educacional e profissional de pessoas negras, oferecendo oportunidade de treinamento, empregabilidade e carreira. Nesse primeiro momento, o programa selecionará 60 estudantes negros, de ensino médio e universitário, e 30 profissionais negros, que são colaboradores da companhia. Para os estudantes interessados em participar, basta se inscrever neste link.

Quem pode se inscrever?

Turma do Ensino MédioTurma da Universidade
Pessoas autodeclaradas pretas ou pardas;Pessoas oriundas de Escola Pública e/ou bolsistas 100%;Estudantes, cursando o 1° ano do ensino médio, matriculados(as) em escola pública e/ou bolsistas 100%, até o início do projeto em abril/2022;Renda familiar per capita de 0 a 3 salários-mínimosMorador(a) da cidade de São PauloPessoas autodeclaradas pretas ou pardas;Estudantes universitários(as);Matriculado(a) no 1º ano do ensino superior (graduação) até o início do projeto abril/2022;Renda familiar per capita de 0 a 3 salários-mínimosMorador(a) da cidade de São Paulo

As inscrições para funcionários da empresa, que compõe a Turma J&J do programa, serão abertas internamente, no início do mês de abril.

Após um processo de seleção, o programa garantirá aos participantes suporte 360º, disponibilizando ferramentas necessárias para o crescimento pessoal e profissional, como treinamento em diversas frentes, apoio econômico, desenvolvimento de habilidades físicas e sociais, comunicação, habilidades técnicas, aulas de inglês, mentoria de grupo e com líderes da companhia, auxílio à saúde e alimentação e estrutura de apoio para estudo (computador e acesso à internet).

A iniciativa é liderada pelo SoulAfro, grupo de Diversidade, Equidade e Inclusão da Johnson & Johnson que busca a equidade étnico-racial, atuando em três pilares: cultura, comunicação e carreira. Ao propor uma forma de enfrentamento ao racismo existente no País, o projeto visa desmontar a pirâmide de desigualdade e promover equidade racial.

Valorização da Diversidade

“As empresas desempenham um papel fundamental junto à sociedade e têm a responsabilidade de atuar em temas urgentes no Brasil, como a justiça racial e social”, avalia Gustavo Galá, presidente da Johnson & Johnson MedTech Brasil e líder de Diversidade, Equidade e Inclusão da J&J no Brasil. Segundo ele, a companhia tem um longo histórico de comprometimento com essas questões. “Isso nos permite colocar em prática um programa como este, que irá transformar a vida de dezenas de brasileiros”.

Desenvolvido em parceria com a consultoria Tree Diversidade e com a pedagoga e mestre em Gestão Social, Benilda Brito, o projeto contou com a expertise de um time multifuncional da Johnson & Johnson, envolvendo diversas áreas da empresa, que tem a cultura de diversidade, equidade e inclusão desde a sua fundação: o respeito à diversidade e individualidade é reforçado pelo Credo, um manifesto interno redigido em 1943 e revisado constantemente, que rege as ações e decisões da companhia.

Em 2020, os presidentes das três divisões de negócios da Johnson & Johnson (Consumer Health, Janssen e MedTech) e colaboradores da companhia assinaram um Compromisso Antirracista, composto por ações para que o antirracismo seja uma realidade tanto dentro da companhia como na sociedade. “Agora, com o SoulAfro Axé, reforçamos nosso compromisso com a luta pela justiça racial e social e extrapolamos o ambiente interno, com uma ação de impacto social”, conclui Galá.

Conheça todos os detalhes do SoulAfro Axé aqui.

Este conteúdo de divulgação comercial foi fornecido
Por JeffreyGroup
e não é de responsabilidade de revistaempreende.com.br