fbpx

Maior programa de aceleração de startups da América Latina abre inscrições para sua segunda edição de 2022

InovAtiva oferece 420 vagas para o ciclo 2022.2 dos programas de aceleração InovAtiva Brasil e InovAtiva de Impacto Socioambiental

Estão abertas as inscrições para os programas de aceleração InovAtiva Brasil e o InovAtiva de Impacto Socioambiental, soluções do hub InovAtiva, política pública que apoia o desenvolvimento do ecossistema de empreendedorismo inovador no Brasil. Os empreendedores interessados podem se inscrever gratuitamente pelo site de 16 de maio até 17 de junho de 2022.
 

O InovAtiva Brasil vai selecionar até 360 startups de todo o país, que estejam nas fases de validação, operação e tração, para a segunda edição de 2022. Já o InovAtiva de Impacto Socioambiental, focado em empresas de base tecnológica com missão de gerar impacto social ou ambiental positivo, vai selecionar até 60 startups.
 

“Estamos comprometidos em proporcionar a melhor experiência para os participantes dos programas do InovAtiva, desde a jornada do empreendedor até a colaboração dos mentores e participação dos investidores. Nós acreditamos no poder de conexão que o InovAtiva promove entre estes atores e no quanto esse pilar é forte na concretização do nosso objetivo que é impulsionar o empreendedorismo inovador brasileiro”, afirma Daniella Marques Consentino, Secretária Especial de Produtividade e Competitividade, do Ministério da Economia (Sepec/ME).
 

Aceleração e Conexão
 

Os ciclos dos programas InovAtiva são divididos em duas etapas: Aceleração e Conexão. Durante a primeira etapa, os empreendedores têm acesso a mentorias individuais e coletivas com especialistas do mercado e conteúdos sobre empreendedorismo. A etapa de Aceleração é encerrada com o evento regional InovAtiva Day, dia 8 de outubro, onde os empreendedores participam de uma agenda de palestras e painéis voltados à temática empreendedora e treinamentos de pitch.
 

As soluções de maior potencial seguem para a segunda etapa, Conexão, na qual empreendedores recebem mentorias individuais especializadas para o desenvolvimento de seus negócios. Para encerrar o ciclo ocorre o InovAtiva Experience, em dezembro, onde as startups passam pelo Demolation, em que simulam sua apresentação de pitch e recebem o feedback dos mentores e, por fim, têm a oportunidade de apresentar suas soluções para a maior banca de investidores do país, no Demoday.
 

Os empreendedores que participam do InovAtiva de Impacto Socioambiental recebem capacitação voltada ao empreendedorismo em negócios de impacto, mentoria com executivos e empreendedores especializados na área socioambiental e são conectados a investidores interessados em apoiar soluções no setor.
 

“A aceleração do InovAtiva foi muito importante para a validação do modelo de negócio e entendimento sobre a jornada de uma startup. O selo de acelerada também foi um validador na busca pelos primeiros investimentos, dando credibilidade e maturidade para captarmos nosso primeiro aporte externo logo após o programa”, relata Sérgio Roberto Finger, CEO da Trashin, participante do InovAtiva de Impacto em 2018.
 

Até hoje, desde a sua criação em 2013, o maior programa de aceleração de startups da América Latina já acelerou mais de 2.400 startups de diversos segmentos e de todas as regiões do país, e realizou mais de 2.000 mentorias.
 

“A história do InovAtiva mostra o impacto que o programa gera em startups participantes. Cada vez mais estamos investindo em melhorias no programa, buscando atender cada vez mais startups e conectá-las com o mercado, investidores e parceiros”, explica o diretor técnico do Sebrae, Bruno Quick.

Este conteúdo de divulgação comercial foi fornecido
Por Piar Comunicação
e não é de responsabilidade de revistaempreende.com.br