fbpx

Empresa de relacionamento com o cliente inaugura unidade em Ribeirão Preto e promete empregar 2 mil pessoas

A Paschoalotto cresceu 70% desde o início da pandemia e já marca presença em outras cidades do interior paulista, como Marília, Bauru e Agudos

Na contramão da crise, a Paschoalotto, especialista em soluções end-to-end de relacionamento, com sede em Bauru, na região centro-oeste do estado de São Paulo, inaugura uma nova unidade em Ribeirão Preto com prédio de mais de 4 mil metros quadrados e promete empregar 2 mil pessoas até o final deste ano.

A empresa que deixou de fazer apenas “serviços financeiros” para se tornar referência nacional na gestão de relacionamento em todos os segmentos e canais de seus clientes, com 13 prédios entre Bauru, Agudos e Marília, já pensava em expandir seus negócios e por isso, procurou outras cidades que pudessem receber sua operação. Depois de muito estudar, observar e traçar o que precisavam, perceberam que Ribeirão Preto se encaixava perfeitamente. A cidade é uma das maiores do estado de São Paulo e já ganhou a fama de ser a Califórnia brasileira  por seu potencial e força.

“Esta conquista é resultado de 24 anos de história, na qual investimos fortemente em pessoas, relacionamento e tecnologia, sempre com o objetivo de oferecer as melhores soluções para nossos clientes. Estamos  muito felizes de chegar na cidade e contribuir para o crescimento econômico de Ribeirão Preto. Tenho certeza de que será uma parceria de grande sucesso”, conta Rodrigo Paschoalotto, CEO da empresa.

A Paschoalotto 

Atualmente, o grupo atende mais de 60 clientes ativos. Ainda que seja o único player que atenda todos os principais bancos do país, a carteira de clientes está mais diversificada, com empresas de setores como saúde, construção, educação, fintechs, varejo, serviços, indústrias, entre outros. O investimento em tecnologia também é pesado, com soluções das principais fornecedoras do mercado, como Microsoft, IBM, Dell e Equinix.

Assim, além da prestação de serviço de call center, que inclui atendimento e vendas, SAC, recuperação de crédito e BPO (business process outsourcing), o grupo pôde expandir a atuação. Atualmente, disponibiliza o serviço de agente virtual, a solução Pagou Fácil e o Labs Paschoalotto, sua aceleradora corporativa para novos negócios. 

Dessa forma, a empresa realiza mais de 100 milhões de interações mensais, seja com humanos ou soluções digitais. Sua base de dados contabiliza mais de 86 milhões de CPFs (40% da população nacional) e mais de quatro milhões de CNPJs, o equivalente a 21% das empresas do país, segundo o Mapa de Empresas do Ministério da Economia.

São mais de 17 mil profissionais que trabalham diariamente em seus produtos e serviços e que a transformam na maior empregadora do interior paulista.

Além disso, a Paschoalotto atua para valorizar seu “cliente interno”. Todos os anos, investe cerca de R$ 550 mil em educação de liderança. Assim, são mais de 700 lideranças em sua estrutura corporativa, sendo que 88% deles começaram a carreira na empresa e possuem tempo médio de casa acima dos nove anos.

São números que explicam os mais de 300 prêmios de desempenho e performance ao longo de sua trajetória. Por cinco vezes, foi eleita como uma das 150 melhores empresas para se trabalhar no Brasil. Em três oportunidades, foi reconhecida também como uma das 40 melhores companhias para iniciar carreira no país.

“Cada dia temos mais certeza de que fazemos parte da solução de empresas, pessoas e comunidade, impactando cada um deles de maneira positiva. Pretendemos chegar ao marco de 20 mil colaboradores e ampliar ainda mais os 140 milhões de relacionamentos que realizamos por mês com clientes em todo o Brasil”, finaliza Eric Garmes, vice-presidente da Paschoalotto.  

Este conteúdo de divulgação comercial foi fornecido
Por Assessoria de Imprensa da Paschoalotto
e não é de responsabilidade de revistaempreende.com.br