fbpx

Cinco táticas de marketing de alto impacto para impulsionar as vendas

Uma boa estratégia de vendas é aquela cujas ferramentas de marketing conseguem fazer com que a mensagem da empresa chegue ao destino de forma clara, fácil e convincente. Para que isso aconteça, táticas básicas devem ser adotadas a fim de proporcionar ao cliente uma adequada experiência do usuário, fazendo com que ele complete todo o ciclo de venda e concretize sua compra.

Lançar um produto de primeira classe não é suficiente nessa estratégia. As empresas devem promover suas atividades e criar reconhecimento de marca em seu público para se manterem na memória e impulsionar a aquisição de leads. Ao otimizar o funil de vendas e personalizar a jornada do cliente, as empresas de tecnologia ou serviço digital podem ganhar – e manter – mais clientes para ficar à frente no mercado.

Nesse contexto, o e-mail marketing entra como uma solução essencial para as empresas e, especialmente, as de tecnologia pois ainda é uma das ferramentas mais eficazes para as startups e soluções digitais. Aparelhado com os dados certos, o e-mail permite a personalização precisa da jornada do cliente, permanecendo uma das maneiras mais econômicas de abordar a aquisição e a retenção de clientes.

“Quando se trata de obter e reter clientes, além de uma ótima experiência do usuário, a educação deve ser a base da estratégia. Dessa forma, a empresa ajudará a seus usuários a atingir seus objetivos e eliminar seus pontos problemáticos. É importante destilar conteúdo informativo estrategicamente ao longo do ciclo de vida dos clientes para oferecer valor”, explica Laura Parra, Brand Manager para o Brasil na Sendinblue.

Cinco táticas de marketing para promover produtos ou serviços digitais

  1. Aproveitar o canal mais econômico e efetivo

Os resultados do e-mail marketing mostram que este canal veio para ficar. De acordo com a Sendinblue, plataforma global de marketing digital, o canal traz o maior retorno sobre o investimento e – com a estratégia certa – pode ser a tática mais eficaz na caixa de ferramentas de marketing; particularmente no caso de tecnologia e soluções digitais.

Com a indústria ostentando uma taxa média de abertura de e-mail de quase 27%, quando se trata de explorar novas soluções digitais, os clientes valorizam as informações que recebem por e-mail.

  1. Usar uma abordagem ágil no marketing

Como startup, é provável que a empresa tenha usado uma abordagem ágil ao desenvolver seus produtos e soluções digitais, e a estratégia de marketing não deve ser diferente. Deve-se concentrar em iterações rápidas em vez de grandes campanhas que exigem muito tempo tanto em termos de planejamento quanto de execução.

A ideia é desenvolver, lançar e testar campanhas em poucos meses, coletar dados para análise e depois adaptar a estratégia de acordo com a necessidade para melhorar os resultados. Isso ajudará a equipe de marketing a acompanhar o ambiente acelerado do setor de tecnologia, cujos novos recursos e desenvolvimentos são constantemente lançados.

  1. Automatizar o máximo

É impossível para qualquer profissional de marketing fazer tudo sozinho. Nesse momento que a tecnologia pode se tornar a melhor aliada das startups – basta terceirizar diferentes tarefas para um software que faz o trabalho pesado.

Deve-se considerar investir em uma ferramenta de automação que possa executar com eficiência todas as tarefas de marketing e acelerar o crescimento. Com a automação, pode-se aproveitar os dados do site e usar eventos para acionar cenários automatizados. Dependendo do produto ou aplicativo, pode-se criar quantos cenários forem necessários para aprimorar a experiência do cliente em toda a sua jornada.

  1. Concentrar-se em atrair leads de alta qualidade

Um fluxo constante de leads de qualidade significa maiores oportunidades de vendas para a sua solução ou produto digital. Quanto mais informações relevantes for obtida sobre os clientes em potencial, mais poderá ser segmentado o público e personalizado o conteúdo para gerar conversões.

Pode-se oferecer recursos criativos e cheios de valor para atrair leads, como pesquisas originais e relatórios que aumentem a autoridade no nicho de mercado. Também é possível aproveitar a rede para criar e co-organizar eventos para ampliar a conexão e expandir o público.

  1. Intensificar a estratégia de retenção

Nenhuma empresa seria capaz de sobreviver sem clientes fiéis e o setor de tecnologia não é exceção. Como custa entre 5 e 25 vezes mais para se adquirir um novo cliente do que reter um já existente, deve-se seguir as práticas recomendadas para garantir que os leads recém-convertidos permaneçam no negócio.

As ferramentas de e-mail e automação oferecem às empresas de tecnologia a oportunidade de falar diretamente com seu público, fazendo uma conexão que dá uma sensação de distinção e preferência ao destinatário com mensagens enviadas no momento certo. Por esse motivo, a personalização e individualização de conteúdo é uma prática fundamental para ter porcentagens positivas de interação.

Estas táticas não devem exclusivamente visar a venda de um produto ou serviço, mas também precisa posicionar a empresa como líder em um setor competitivo como é a indústria digital e tecnológica. A finalidade de uma estratégia digital integral deve ser a de posicionar a companhia como uma fonte confiável que se destaca em relação à concorrência e impacta positivamente o mercado.